É muito comum as pessoas confundirem SEO (Otimização de Sites) com campanhas de Links Patrocinados (Google Ads).

Portanto, para começar o post, vamos esclarecer alguns pontos:

 

Preciso investir em Google Ads para ter melhor posicionamento orgânico?

Não. Os resultados orgânicos das buscas não demandam investimento em Google Ads. Para atingir as primeiras posições no Google, tudo que você precisa é ter um bom trabalho de SEO.

Isso demanda conhecimento técnico e geração de conteúdo relevante para os usuários, além de relevância social.

Não é tarefa simples, mas para estar na primeira página do Google não é preciso gastar em anúncios.

 

Quer saber quais são os fatores que influenciam o posicionamento do seu site nos mecanismos de busca? Clique aqui e confira um post sobre os fatores de SEO.

 

O Google Ads funciona simplesmente por um sistema de leilão?

Nas campanhas de Links Patrocinados (Google Ads), o anunciante paga pelos cliques em seus anúncios, de acordo com um sistema de leilão que considera basicamente o índice de qualidade da palavra-chave e o valor máximo que o anunciante está disposto a pagar pelo clique.

O índice de qualidade considera a taxa de cliques no anúncio e fatores de qualidade da página de destino, como tempo de permanência do visitante, taxa de rejeição, tempo de carregamento e relevância com o anúncio e palavras-chave.

Para exemplificar, você poderia estar disposto a pagar R$ 100,00 por um clique em seu anúncio para a palavra-chave “venda de carros”, enquanto seus concorrentes estão dispostos a pagar R$ 1,00. No entanto, a página de destino do seu anúncio vende móveis.

Provavelmente seu anúncio não estaria nas primeiras posições, uma vez que os usuários interessados em comprar carros seriam direcionados a uma página com conteúdo irrelevante naquele momento., gerando baixo tempo de permanência e alta taxa de rejeição. Portanto, o mito de que quem paga mais estará melhor posicionado não é 100% verdade.

 

Quer entender melhor os fatores que influenciam o índice de qualidade das palavras-chave nas campanhas de Links Patrocinados? Clique aqui e confira.

 

Não se esqueça que o mecanismo de busca é o mesmo: o Google.

Só que existem semelhanças entre as buscas orgânicas e as buscas pagas. Como falamos anteriormente, existe o  “índice de qualidade” nas campanhas de Links Patrocinados do Google Ads. Dessa forma, se tiver um índice de qualidade 10/10 (dez sendo o valor máximo) para determinada palavra-chave, certamente essa página de destino também estará otimizado para as buscas orgânicas do Google. Isso ocorre, porque o mecanismos de busca é o mesmo tanto para campanhas, quanto para resultados orgânicos.

 

Então, Links Patrocinados ou SEO (Otimização de sites para mecanismos de busca)?

Isso vai depender da estratégia do cliente e da disponibilidade de verba para investimento, além do nível de concorrência.

Se o cliente buscar resultados de curto prazo para um novo site, eu recomendaria campanhas de Links Patrocinados no Google Ads, pois uma vez que a campanha estiver estruturada e o pagamento foi realizado, o anúncio passa por uma aprovação e rapidamente estará no ar.

Ou seja, possivelmente no mesmo dia você já estará recebendo tráfego qualificado em seu site, pagando apenas pelos cliques em seus anúncios.

Agora, se o cliente busca um bom posicionamento nas buscas a médio e longo prazo, o trabalho de SEO é altamente recomendando.

O importante do trabalho de SEO é que o Google e outros mecanismos de busca consideram a relevância do seu site para os usuários. Dessa forma, otimizando seu site para o Google, você investirá em uma melhor experiência para o usuário de seu site, principalmente. Além de reforçar a marca – branding.

Geralmente, recomendamos atuar nas duas frentes, tanto SEO quanto Links Patrocinados. Mas se tiver que escolher apenas uma das duas estratégias, considere a disponibilidade de verba e tempo de retorno esperado.

 

Menor disponibilidade de verba e tempo de retorno esperado curto – Google Ads

Maior disponibilidade de verba e menor urgência no tempo de retorno esperado – SEO

Maior disponibilidade de verba, visando estratégia de curto, médio e longo prazo – Google Ads e SEO

 

Esperamos ter resolvido essa dúvida que vemos com frequência aqui na agência.

Ficou com alguma dúvida? Deixe nos comentários que ficarei feliz em respondê-la.