Como todos os anos as coisas mudam muito rápido, principalmente no campo da tecnologia, decidimos fazer essa lista atualizada com o que consideramos as melhores hospedagens para WordPress, 2021. Além das opções intermediárias e as que você deve evitar…

Se você quer uma hospedagem ideal para o WordPress, ela precisa ter recursos específicos para a plataforma.

A hospedagem é um fator determinante para ter um site em WordPress rodando com boa performance e segurança. E isso irá afetar diretamente seu posicionamento no Google.
Neste artigo mostraremos quais são as preferidas do grupo Lamattina, então continue com a gente!

 

O que é um serviço de hospedagem?

Primeiro você precisa entender como funciona uma hospedagem.

Saiba que existe mais de um tipo de hospedagem. Você pode optar por hospedagem gratuita, compartilhada, em nuvem, VPS (Virtual Private Servers) e servidor dedicado.

O que todas elas fazem é armazenar seu site em um servidor conectado à internet. Esse servidor tem o objetivo de suportar diversos usuários em uma mesma rede. Ele também será o responsável por executar todas as atividades necessárias para manter seu site e e-mails no ar.

Agora, dependendo de qual tipo de hospedagem você escolher, esse acesso pode ser muito prazeroso para o seu público, (e também para você), ou pode resultar em uma sobrecarga do sistema, ocasionando em um site lento e com falhas de carregamento.

O que pode lhe causar algum trabalho (e custos) para mudar, por isso: comece com a escolha certa!
E durante este texto, a gente espera que você chegue na melhor decisão.

 

Qual tipo de hospedagem devo escolher?

Como dissemos antes, existem muitos tipos de hospedagens. E vamos mostrar o que cada uma delas tem a oferecer e assim a sua escolha pode ficar mais simples.

 

1. Hospedagem gratuita

As hospedagens gratuitas são os famosos criadores de sites que oferecem sua plataforma para

a criação de sites e blogs, só que de uma forma mais simples e limitada.

Você não terá seu domínio próprio e nem o seu próprio e-mail, mas para quem está começando, é uma boa forma de aprender um pouco sobre o ambiente, antes de passar para um site mais profissional.

 

2. Hospedagem compartilhada

Hospedagem compartilhada é a mais conhecida e utilizada entre os iniciantes, por ser a mais barata.

Neste tipo de hospedagem você tem mais recursos que uma hospedagem gratuita e mais facilidade para colocar o site no ar. Algumas empresas de hospedagem oferecem ambientes customizados para WordPress com o CMS pré-instalado, com isso, o site vai para o ar muito mais rápido e fácil.

Porém, você vai dividir o servidor com outros sites. Usando memória, rede, processadores, e armazenamento.

Como a hospedagem é compartilhada, você terá limitações no seu acesso, para que ninguém dentro desse compartilhamento exceda o limite dos servidores.

Isso inclusive interfere no tráfego e velocidade. Você não poderá ter tantos recursos usando essa modalidade. Por isso, precisa se atentar às restrições e limitações do serviço contratado (mesmo quando a empresa informa que tudo é “ilimitado”).

Portanto, se o seu objetivo é tornar-se um grande site no futuro, você terá que mudar o seu tipo de hospedagem em algum momento.

Esse tipo de serviço não é recomendado para grandes empresas, sites que têm um alto número de acessos ou demandam muitos recursos de processamento.

 

3. Servidor de Hospedagem VPS

Com o VPS você ainda compartilha do servidor físico com outros sites, mas neste hardware será criado um servidor virtual. Cada um desses servidores terá uma quantidade de memória e de armazenamento que será utilizada somente pelo seu site.

Dessa forma, estando cada um em suas partições distintas, o site não fica lento e evita que caia quando houver instabilidade na rede – algo que acontece com a hospedagem compartilhada.

Neste servidor VPS você tem mais autonomia. Ele te dá acesso ao controle do servidor, assim você pode rodar programas específicos e usá-lo do jeito que achar melhor.

E é exatamente por isso que você precisa ter conhecimento técnico na área ou contratar uma empresa/profissional que cuide da infraestrutura.

Você será responsável pelas atualizações de segurança, atualizações de softwares e por todos os ajustes necessários para adequar o servidor do seu jeito.

 

4. Hospedagem em Nuvem (Cloud)

Esta forma de hospedagem é parecida com a forma compartilhada. Ela disponibiliza na internet vários servidores online e em muitos computadores que vão trabalhar juntos, distribuindo as cargas de processamento, memória e armazenamento de dados.

Os recursos utilizados são ajustados conforme a sua necessidade. E quando o servidor atingir o limite, impedindo um maior número de tráfego – ou por resultado de um alto volume de processamento ou por um pico na audiência – o acesso será redirecionado para outro servidor com espaços que atendam às demandas.

Este serviço em nuvem (Cloud) é recomendado para quem ainda não tem um número alto de tráfego simultâneo, mas que recebe muitos visitantes no mês. Ele também pode ser ajustado de acordo com a necessidade do site, aumentando ou diminuindo os recursos.

 

5. Servidor dedicado

Aqui você tem um servidor físico que você pode alugar ou comprar para ter controle total. Você escolhe o tipo de hardware, sistema operacional, capacidade e muitas outras funções.

Essa flexibilidade é o que torna esse tipo de hospedagem a mais robusta e, ao mesmo tempo, a mais cara.

Este serviço é indicado para quem utiliza muitos recursos. O serviço está lá para o seu site, diferente da nuvem que funciona sob demanda.

O Servidor Dedicado é indicado para empresas que necessitam de muitos recursos, e que tenham sua própria equipe de tecnologia (TI).

 

As melhores hospedagens para WordPress 2021

Agora que você já aprendeu um pouco sobre os tipos de hospedagens, vamos apresentar nosso ranking com as melhor opções em hospedagem para WordPress, em 2021:

 

1. WP Engine

Hospedagem para WordPress WP Engine

 

WP Engine é uma hospedagem especializada em WordPress. Mas não é só por isso que ela está no topo dessa lista.

Além de todo o recurso disponibilizado para WordPress, você ainda terá ambiente de desenvolvimento separado, temas profissionais, CDN global e até 25 mil visitas mensais, no plano inicial.

Outros recursos:

  • Todos os sites são protegidos contra ataques de hackers;
  • Backups diários automáticos;
  • Armazenamento SSD;
  • CDN e SSL gratuitos;
  • Ferramenta de staging (para aplicar mudanças em modo de desenvolvimento);
  • Suporte 24 horas, incluindo finais de semana e feriados;
  • Disponível acesso ao SSH.

 

2. SiteGround

Hospedagem para WordPress SiteGround

 

O SiteGround também oferece recursos para WordPress em seus serviços de hospedagens. O serviço ainda conta com atualizações e instalações automáticas, backup sob demanda, plugin de cache próprio e ferramentas de migração.

O serviço de hospedagem do SiteGround tem planos de 10 GB a 40 GB de armazenamento interno que permite a criação de diversos sites. As visitas podem ir de 10 mil a 100 mil visitantes mensais.

Outros recursos:

  • Suporte 24 horas por dia;
  • Banco de dados ilimitado;
  • E-mails ilimitados;
  • Certificado SSL gratuito;
  • Armazenamento SSD;
  • CDN gratuito.

 

3. i7 Host

i7Host hospedagem wordpress

A i7 Host se posiciona no mercado como um provedor de Hospedagem Premium e seu diferencial é ser especialista em projetos desenvolvidos na plataforma WordPress.

Além de utilizar uma infraestrutura de altíssima qualidade, também desenvolveu técnicas personalizadas para receber projetos de qualquer tamanho e modelo.

Eles atuam diretamente na base e no funcionamento dos projetos WordPress, deixando-os com muito mais desempenho e segurança.

A i7 possui diversos planos de hospedagem e com muita facilidade hospeda sites institucionais, blogs, catálogos de produtos, portais de notícias e até grandes lojas virtuais em WordPress.

Para eles o início de tudo é uma instalação perfeita, alinhada a uma excelente otimização, que resulta na chave do sucesso para muitos sites.

Pensando assim, eles criaram algumas rotinas que auxiliam os clientes e parceiros a conquistarem esses resultados por meio do WordPress.

Recursos:

  • Servidores 100% dedicados;
  • 3 opções de Datacenter;
  • Certificação de segurança e backup;
  • Atendimento personalizado com gerente de contas;
  • 16 anos de experiência.

Hospedagens intermediárias para WordPress

A equipe também separou as hospedagens que ficam na média. Para você que está querendo se arriscar no mundo dos sites, mas não quer pagar por algo tão caro, ou complexo e nem fazer um serviço meia boca, não é?!

Então aqui estão algumas hospedagens WordPress que podem servir para você iniciar o seu negócio:

  • Hostinger: No plano inicial você terá um site, 10 gigas de armazenamento interno, 100 GB de tráfego, uma conta de e-mail, entre outros serviços.

 

  • Hostgator: Nesta hospedagem você pode contar com pelo menos 1 site, 5 contas de e-mail, domínio gratuito e suporte em português. E pode escolher planos de 10 a 150 GB de armazenamento. Além de backups automáticos, SSL grátis, painel de controle, entre outras funcionalidades.

 

  • KingHost: Contratando o serviço básico da KingHost você terá contas ilimitadas de e-mail, 521 MB de memória e 15 GB de espaço para o site. Adquirindo outros serviços você pode usufruir do acelerador de sites e utilizar o sistema antispam. A KingHost também apresenta um painel de controle intuitivo, proteção contra ataques, backups diários, certificado SSL gratuito e monitoramento.

É melhor evitar essas hospedagens para seu site em WordPress…

É melhor evitar essas hospedagens para seu site em WordPress...

 

Também deixaremos aqui algumas hospedagens que diríamos que é melhor não arriscar. Elas podem parecer muito tentadoras pelo baixo preço, porém você pode entrar numa fria. Claro que tudo depende daquilo que você quer fazer e aonde quer chegar. Então tenha certeza do que quer, antes de contratar um desses serviços:

  • Uol host: No pacote mais simples você pode encontrar 10 GB de armazenamento, 2 sites, 1 ano de domínio gratuito, 10 contas de e-mail e já vem com o CMS do WordPress, instalado e configurado.

 

  • Locaweb: Entre os pacotes da Locaweb você pode encontrar 100 GB de espaço em discos, 5 contas de e-mail, domínio e certificado SSL gratuitos. O serviço também conta com servidores no Brasil e suporte em português.

 

Conclusão sobre a escolha de hospedagem para sites WordPress

Há muitas escolhas a serem feitas antes de contratar uma hospedagem para desenvolver seu site em WordPress. Por isso, você precisa ter em mente o que você quer e onde você quer chegar.

Depois de ter seus objetivos alinhados você poderá entender quais dessas hospedagens para o WordPress é a mais apropriada para o seu projeto!

Não adianta contratar um serviço mediano e esperar ter grandes resultados ou menos trabalho.

E não se esqueça que o tipo de hospedagem que você vai escolher – VPS, Dedicada, Compartilhada, em nuvem – também é muito importante para o funcionamento do seu site!

Espero que esse texto tenha ajudado você a escolher uma hospedagem para o seu site WordPress.

 

Complicou? Ficou alguma dúvida? É só deixar um comentário, ou entrar em contato com a gente!