Oferta teria sido recusada pelo CEO do aplicativo. Negócio otimizaria presença da rede social em dispositivos móveis

De acordo com uma reportagem do Wall Street Journal, divulgada na última semana, o Facebook está disposto a abrir os cofres para adquirir o aplicativo de compartilhamento de fotos “auto-destrutivas” Snapchat. Segundo a publicação, a rede social teria oferecido US$ 1 bilhão para comprar o app.

Porém, apesar da oferta bilionária, o CEO do Snapchat, Evan Spiegel, respondeu negativamente ao negócio. A investida do Facebook demonstra a intenção de Mark Zuckerberg em adquirir aplicativos que fazem sucesso em dispositivos móveis, já que o comunicador instantâneo confirmou em setembro que registra um tráfego de aproximadamente 350 milhões de imagens por dia.

Entretanto, vale lembrar que no ano passado o Facebook lançou o “Poke”, um aplicativo muito parecido com o sistema do Snapchat. Contudo, o app não teve a aceitação esperada pela rede social.

O valor da proposta remete a outra aquisição do Facebook, pois é o mesmo oferecido ao Instagram, em 2012. Na ocasião a proposta foi aceita, e o aplicativo foi adquirido pela rede social. Além disso, o negócio entre Google e Waze foi outro acordo com o mesmo montante que chamou a atenção do mercado de tecnologia móvel neste ano.

 

Fonte: Proxxima