Melhorar o SEO do WordPress é crucial para obter mais tráfego para o seu site. Infelizmente, a maioria dos guias são muito técnicos para novos usuários e proprietários de sites.

Neste guia, compartilharemos as principais dicas para ajudá-lo a melhorar seu SEO para WordPress e obter mais tráfego orgânico.

Você deve ter ouvido especialistas dizendo que o WordPress é otimizado para SEO. É por isso que muitas pessoas escolhem essa plataforma para criar um blog ou site.

Embora o WordPress garanta que o código que ele gera siga as melhores práticas de SEO, há muito mais que você pode fazer se quiser maximizar seus esforços de otimização.

 

Introdução

Sabemos que a ideia de otimizar seu site em WordPress pode ser intimidante para iniciantes, especialmente se você não for um geek de tecnologia. Mas não se preocupe, aprenda o básico e você já pode começar a aplicá-lo em seu site.

 

O que é SEO?

Search Engine Optimization

SEO é uma sigla que significa Search Engine Optimization (Otimização para mecanismos de busca). É uma estratégia usada pelos proprietários de sites para obter mais tráfego e ter uma classificação mais elevada nos mecanismos de pesquisa.

A otimização de mecanismos de pesquisa não se trata de enganar o Google. Trata-se simplesmente de criar um site que tenha código e formatação específicos, o que torna mais fácil para os mecanismos de pesquisa encontrarem seu site (e consequentemente os usuários).

Quando as pessoas pesquisam na web os tópicos sobre os quais você escreve, seu conteúdo otimizado para mecanismo de pesquisa aparecerá em uma posição superior nos resultados e você terá mais pessoas clicando e acessando seu site.

 

Por que SEO é importante?

Os mecanismos de pesquisa costumam ser a maior fonte de tráfego para a muitos sites.

O Google e outros mecanismos de pesquisa usam algoritmos avançados para entender e classificar as páginas de forma adequada nos resultados da pesquisa. No entanto, esses algoritmos não são perfeitos – eles ainda precisam da sua ajuda para entender do que se trata seu conteúdo.

Se seu conteúdo não for otimizado, os mecanismos de pesquisa não saberão como classificá-lo e quando as pessoas pesquisarem os tópicos sobre os quais você escreve, seu site não aparecerá nos resultados da pesquisa e você deixará de ter o tráfego orgânico.

Por isso, é realmente importante para todos os proprietários de empresas tornarem seus sites amigáveis para o Google e outros mecanismos, maximizando o tráfego de pesquisa.

 

Noções básicas de SEO para WordPress

O SEO pode ser técnico, mas não precisa ser. Aprender algumas dicas básicas para otimizar seu site pode aumentar consideravelmente o tráfego.

Você não precisa ser um gênio da tecnologia para usar as técnicas abaixo. Se você já usa o WordPress, então você tem o que é preciso!

 

Começando a otimizar seu site WordPress

Primeiro verifique as configurações de visibilidade. O WordPress vem com uma opção integrada para ocultar seu site dos motores de busca. O objetivo desta opção é dar a você tempo para trabalhar em seu site antes que ele esteja pronto para ir ao público.

No entanto, às vezes essa opção pode ser marcada acidentalmente e torna seu site indisponível para os mecanismos de pesquisa, então a primeira coisa que você precisa fazer é verificar se essa opção está desmarcada.

Basta fazer login na área de administração do seu site WordPress e visitar a página Configurações » Leitura. Você precisa rolar para baixo até a seção “Visibilidade nos motores de busca” e certificar-se de que a caixa ao lado de “evitar que mecanismos de busca indexem este site” está desmarcada. Não se esqueça de clicar no botão ‘Salvar alterações’.

 

Desabilitar "Evitar que mecanismos de busca indexem este site"

 

Usando estruturas de URL amigáveis ​​para SEO no WordPress

URLs amigáveis ​​para SEO contêm palavras que explicam claramente o conteúdo da página e são fáceis de ler tanto por humanos quanto por mecanismos de pesquisa.

Usar a estrutura de permalink amigável de SEO aumenta suas chances de obter melhores posições nos resultados de pesquisa.

Veja como você pode verificar e atualizar a estrutura de permalinks do seu site WordPress.

Você precisa visitar a página Configurações » Links permanentes. Selecione a opção de nome da postagem e clique no botão ‘Salvar alterações’.

 

Estrutura URL amigável para SEO WordPress

 

Observação: se o seu site estiver em funcionamento há mais de 6 meses, não altere a estrutura do permalink, a menos que esteja usando a opção de números. Se você estiver usando Dia e Nome ou Mês e Nome, continue usando.

Ao alterar sua estrutura de permalink em um site estabelecido, você perderá toda a sua contagem de compartilhamento de mídia social e correrá o risco de perder sua classificação de SEO existente.

Se você precisar alterar sua estrutura de permalink, contrate um profissional para que ele possa configurar os redirecionamentos adequados.

 

WWW vs não WWW

Se você está apenas começando com seu site, precisa escolher se deseja usar www (http://www.example.com.br) ou não www (http://example.com.br) no URL de seu site.

Os mecanismos de pesquisa consideram esses dois sites diferentes, então isso significa que você precisa escolher um e segui-lo.

Você pode definir suas preferências visitando a página Configurações » Geral. Adicione a seu URL preferido nos campos ‘Endereço do WordPress’ e ‘Endereço do site’.

 

Tirar visibilidade do WWW. no URL

 

Do ponto de vista de SEO, não há vantagem em usar um ou outro.

 

Os melhores plugins de SEO para WordPress

Uma das melhores partes do WordPress é que existe um plugin para tudo, e SEO não é exceção. Existem milhares de plug-ins de SEO.

Em vez de instalar plu-ins separados para tarefas de SEO individuais, vamos ajudá-lo a escolher o melhor plugin de SEO para WordPress que faz tudo e é 100% gratuito.

 

Escolhendo o Melhor Plugin de SEO para WordPress

Quando se trata de escolher o melhor plugin de SEO para WordPress, você provavelmente irá restringir suas escolhas às duas soluções mais populares: Yoast SEO ou All in One SEO Pack.

Ambas são soluções eficazes. Fique a vontade para ver os recursos de ambos e instalar o que for mais fácil para você administrar.

 

Otimizando suas postagens de blog para SEO

SEO para Blog

Muitas vezes, os iniciantes cometem o erro de pensar que instalar e ativar um plugin de SEO para WordPress é tudo o que é necessário. SEO é um processo contínuo que você deve acompanhar se quiser obter o máximo de resultados.

Os principais plugins de SEO permitem que você adicione um título, uma descrição e uma palavra-chave de foco a cada postagem e página do blog. Ele também mostra uma prévia do que os usuários verão quando pesquisarem seu site no Google.

Recomendamos que você otimize seu título e descrição para obter o máximo de cliques.

Ao escrever sua postagem no blog, simplesmente role para baixo até a seção SEO e tire o máximo de proveito dela.

 

Fazendo pesquisa de palavras-chave para seu site

Muitos iniciantes usam seus melhores palpites para descobrir quais tópicos as pessoas estão procurando e o que devem adicionar a seus blogs e sites.

É como atirar uma flecha no escuro. Você não precisa fazer isso quando pode usar dados reais para descobrir o que as pessoas estão procurando.

A pesquisa de palavras-chave é uma técnica usada por criadores de conteúdo e especialistas em SEO. Ela ajuda você a descobrir palavras que os usuários inserem nos mecanismos de pesquisa para encontrar conteúdo, produtos e serviços em seu setor.

Você pode então usar essas palavras e frases em seu site para obter mais tráfego vindo das pesquisas.

Existem inúmeras ferramentas de pesquisa de palavras-chave (gratuitas e pagas) que você pode usar. Recomendamos usar SEMRush, que ajuda você a descobrir palavras-chave e até mesmo descobrir as palavras-chave em que seus concorrentes estão classificados. Outra opção, se você anuncia no Google é utilizar o planejador de palavras-chave do Google Ads.

 

Práticas recomendadas de SEO para WordPress

Se você seguir os fundamentos do WordPress SEO e usar o melhor plugin de WordPress SEO, já estará à frente da maioria dos sites.

No entanto, se você deseja resultados ainda melhores, precisa seguir as práticas recomendadas abaixo.

Elas não são muito técnicas e nem exigem que você use nenhum código. Mas farão uma grande diferença se você os seguir.

 

Usando categorias e tags corretamente no WordPress

O WordPress permite que você classifique as postagens do seu blog em categorias e tags. Isso facilita o gerenciamento de seu conteúdo por tópicos e permite que seus usuários encontrem o conteúdo que procuram.

Categorias e tags também ajudam os mecanismos de pesquisa a entender a estrutura e o conteúdo do seu site.

As categorias são destinadas a um amplo agrupamento de suas postagens. Se o seu blog fosse um livro, as categorias seriam o índice.

Por exemplo, em um blog pessoal você pode ter categorias como música, comida, viagens, etc. As categorias são hierárquicas, então você pode adicionar categorias secundárias a elas.

Por outro lado, as tags são palavras-chave mais específicas que descrevem o conteúdo de uma postagem individual. Por exemplo, uma postagem de blog arquivada na categoria de “alimentos” pode ter tags como “salada”, “café da manhã”, “panquecas”, etc. Pense nisso como uma seção de índices em um livro didático.

Ao usar categorias e tags de maneira adequada, você facilita a navegação dos usuários em seu site. Por ser fácil para os usuários, também torna mais fácil para os mecanismos de pesquisa navegar em seu site e identificar os assuntos que você está falando.

 

Faça dos links internos um hábito

Os mecanismos de pesquisa atribuem uma pontuação a cada página do seu site (autoridade da página). A receita dessa pontuação é mantida em segredo para que as pessoas não possam interferir nos resultados. No entanto, os sinais mais comuns de autoridade são os links.

É por isso que é importante que você crie links para seu próprio conteúdo a partir de outras postagens e páginas de seu blog.

Você deve criar o hábito de interligar suas próprias postagens sempre que possível. Se você tiver vários autores, crie uma lista de verificação de postagens de blog pré-publicadas que exija que eles interliguem pelo menos 3 outras postagens de blog.

 

Colocar links internos

 

Isso ajudará você a aumentar suas visualizações de página, aumentará o tempo que os usuários passam em seu site e, por fim, melhorará a pontuação de SEO de suas postagens e páginas individuais.

 

Otimize os comentários do WordPress

Os comentários podem ser uma forte indicação do engajamento do usuário em seu site. Usuários engajados significam mais links para seu site, mais tráfego e SEO aprimorado.

No entanto, você precisa ter certeza de que os comentários são reais e não spam. Os spammers enviam comentários com links ruins que podem afetar e até mesmo arruinar suas classificações de pesquisa.

É por isso que recomendamos a todos que comecem a usar o Akismet. É um dos dois plug-ins que vêm pré-instalados em todos os sites do WordPress e ajuda a combater o spam de comentários.

Se as postagens do seu blog atraem muitos comentários genuínos e sem spam, esse é um ótimo sinal de que você está no caminho certo!

No entanto, muitos comentários em uma postagem podem tornar o carregamento mais lento, o que também afeta as classificações do mecanismo de pesquisa.

Para preparar seu site para que possa lidar com a carga de comentários colocados em seu servidor sem perder velocidade, você pode dividir os comentários em várias páginas.

 

Links externos “NoFollow” no WordPress

Conforme mencionado acima, os links ajudam os mecanismos de pesquisa a decidir quais páginas são importantes. Quando você faz um link para um site, está passando parte da pontuação de SEO do seu site para esse link. Essa pontuação de SEO é chamada de “link juice”.

Para obter boas classificações de pesquisa, você precisa ter certeza de que está obtendo mais links de outros sites do que está dando.

Adicionar o atributo “nofollow” a links externos (links para sites que você não possui) instrui os mecanismos de pesquisa a não seguir esses links.

Um link externo normal se parece com isto em HTML:
<a href=”http://example.com”> Exemplo de website </a>

Um link externo com o atributo “nofollow” se parece com isto:
<a href=”http://example.com” rel=”nofollow”> Exemplo de website </a>

Por padrão, o WordPress não vem com uma opção para tornar os links nofollow. No entanto, você ainda pode fazer isso facilmente modificando os links manualmente. Basta selecionar o bloco que contém o seu link e clicar na opção “link” ou o símbolo de uma corrente (se estiver no editor visual).

Se estiver no editor de texto, adicione o código, conforme abaixo, deixando o texto âncora entre as tags de link <a href=”https://linkdosite.com.br” tel=”nofollow” >texto do link</a>

 

Colocar rel="nofollow" link HTML

 

Se você vir o atributo rel = ”noopener noreferrer” no código HTML, adicione um espaço após noreferrer e adicione nofollow depois disso.

 

Posts completos versus resumos

O WordPress exibe e vincula suas postagens a partir de várias páginas, como página inicial, arquivo de categorias, arquivo de tags, arquivo de datas, páginas do autor, etc.

Por padrão, ele mostra o conteúdo completo do artigo em todas essas páginas. Isso afeta o SEO do seu site, pois os mecanismos de pesquisa podem descobrir que é conteúdo duplicado. Artigos completos também tornam o carregamento das páginas do arquivo mais lento.

Mostrar artigos completos em todos os lugares também afeta suas visualizações de página. Por exemplo, os usuários que assinam seu feed RSS poderão ler o artigo completo em seu leitor de feed, sem nunca visitar seu site.

A maneira mais fácil de resolver isso é mostrando resumos ou trechos em vez de artigos completos.

Você pode fazer isso acessando Configurações » Leitura e selecione “resumo”.

Mesmo se você seguir todas as dicas e práticas recomendadas de SEO do WordPress acima, se o seu site for lento ou for derrubado por um hacker, a classificação do seu mecanismo de pesquisa será ruim.

Evite que seu site perca tráfego orgânico devido ao desempenho lento ou falta de segurança.

Otimize a velocidade e o desempenho do seu site

Pesquisas mostram que, na era da internet, a média de atenção humana é menor do que a de um peixinho dourado. Os especialistas em usabilidade da Web acreditam que os usuários decidem se querem ficar ou sair poucos segundos depois de visitar um site.

Isso significa que, como proprietário de um site, você tem apenas alguns segundos para apresentar seu conteúdo e envolver os usuários. Você não quer perder esse tempo precioso fazendo seu visitante esperar que seu site carregue. Mecanismos de busca como o Google agora classificam os sites mais rápidos em uma posição superior aos sites de carregamento lento.

 

Otimizando Imagens do WordPress para SEO

As imagens são mais envolventes do que os textos, mas também demoram mais para carregar. Se você não tiver cuidado com o tamanho e a qualidade das imagens, eles podem tornar seu site mais lento.

Você precisa se certificar de que usa imagens otimizadas para carregar mais rápido.

Outro truque que você pode usar para otimizar suas imagens para os mecanismos de pesquisa é usar um título descritivo e tags alt. Essas tags ajudam os mecanismos de pesquisa a entender do que se trata a sua imagem. Eles também ajudam os usuários com deficiência visual, pois seus leitores de tela podem ler o texto alternativo para eles. O WordPress permite que você adicione facilmente tags de título e alt ao carregar uma imagem.

 

Otimização de Imagem

 

Segurança e proteção do seu site WordPress

Segurança e Proteção em WordPress

A cada semana, o Google coloca na lista negra cerca de 20.000 sites por malware e cerca de 50.000 para phishing. Quando um site está na lista negra, ele não aparece em nenhum resultado de pesquisa.

Isso significa que a segurança do seu site WordPress é crucial para uma boa classificação. Você não quer que todo o seu trabalho árduo em SEO seja desperdiçado se seu site for comprometido por um hacker.

A boa notícia é que não é tão difícil manter seu site WordPress seguro. Recomendamos o plugin Sucuri para proteger sites contra ataques.

 

Comece a usar SSL / HTTPS

SSL (Secure Sockets Layer) é uma tecnologia que criptografa a conexão entre o navegador de um usuário e o servidor ao qual ele está se conectando. Isso adiciona uma camada de segurança adicional ao seu site WordPress.

 

SSL / HTTPS em seus sites

 

Os sites protegidos com SSL são indicados por um cadeado na barra de endereço do navegador. Isso torna seu site mais confiável e é necessário se você estiver administrando uma loja online com WordPress e processando informações confidenciais de pagamento.

Todas as principais empresas de hospedagem do WordPress oferecem certificados SSL gratuitos com Let’s Encrypt.

Espero que essas dicas ajudem a tornar seu site mais relevante para o Google e gerar mais visitas orgânicas. É claro que este é um trabalho extenso e que leva algum tempo, então guarde este post e utilize as informações sempre que precisar.

Se tiver alguma dúvida ou sugestão, deixe nos comentários abaixo.