Em um mundo cada vez mais globalizado e digital, nossas preciosas informações por muitas vezes estão vulneráveis.

Falhas de hardware, corrompimento de arquivos, erros humanos, vírus, hackers e softwares maliciosos são muito mais comuns do que imagina, podendo também comprometer a sua segurança digital, e nesses casos podem causar uma perda de dados inesperada.

Todos nós já tivemos a infeliz experiência de perder tempo e esforço dedicados em alguma atividade na escola ou trabalho, e perder tudo simplesmente por não ter feito o backup.

Imagine investir toda sua criatividade na criação de um site no WordPress, com ótimo conteúdo, design chamativo e uma comunidade engajada. De uma hora para a outra, tudo isso desaparece devido a um ataque de malware ou uma falha no servidor.

Neste caso, sem um backup, seria um processo muito frustrante e demorado reconstruir tudo isso.

Dito isso, iremos te mostrar algumas formas de como fazer backup no WordPress de maneira rápida, fácil e segura.

Para que você nunca mais tenha que passar por esse tipo de imprevistos. Portanto, continue a leitura!

 

O que é um backup?

Backup ou cópia de segurança em português, é o ato de copiar os dados que estão guardados em um dispositivo de armazenamento (celulares, tablets, computadores) ou sistema (aplicativos, softwares e jogos) para outro ambiente, para que essas informações possam ser restauradas depois.

Apesar de o uso da nuvem está sendo cada vez mais comum nos dias de hoje, o backup ainda é indispensável, pois quem garante a segurança dos nossos dados, por parte das empresas que controlam os servidores de nuvem.

A ideia de ter um procedimento de backup, seja ele residencial ou corporativo, é ter quantas cópias de segurança você quiser fora do sistema principal (celular, computador pessoal ou servidor corporativo). O objetivo é ter os arquivos duplicados para a recuperação dos dados em caso de um imprevisto.

Muitas empresas e usuários domésticos recorrem a uma variedade de dispositivos, como HDs externos, pendrives, drives de mídias ópticas e sistemas de armazenamento profissionais em fita ou disco, para duplicar seus dados.

Além disso, com a queda nos preços dos serviços de transmissão de dados por cabo ou satélite (banda larga), uma parcela significativa de usuários opta por armazenar cópias de segurança de suas agendas, vídeos e fotos em servidores remotos de terceiros, conhecidos como servidores de nuvem.

 

Leia também: O WordPress é seguro?

 

Como fazer backup no WordPress?

Como fazer backup no WordPress?

A realização de um backup no WordPress é a única forma de garantir a segurança e a integridade dos seus dados.

Existem várias maneiras de como fazer backup no WordPresss, e aqui estão algumas das opções mais utilizadas:

 

  • Plug-ins para backup no WordPress

Existem vários plugins de backup no WordPress que facilitam o processo de backup e restauração.

Alguns dos mais populares incluem o BackUpWordPress, Duplicator, WP-DB-Backup, UpdraftPlus, BackupBuddy, VaultPress.

Esses plugins geralmente permitem que você programe backups automáticos, armazene os backups em locais seguros (como Dropbox, Google Drive, Amazon S3, etc.) e restaure os backups com facilidade.

Porém, cada um desses plugins tem suas peculiaridades, como vamos conferir a seguir:

  1. BackUpWordPress: Interface amigável para backups completos e agendados, com armazenamento em nuvem e restauração com um clique.
  2. Duplicator: Ideal para migrações, cria backups completos do site (arquivos, banco de dados e temas) em um único arquivo para fácil portabilidade.
  3. WP-DB-Backup: Opção leve e eficiente para backups agendados do banco de dados, com opções para armazenamento local ou em nuvem.
  4. UpdraftPlus: Solução completa com backups completos e incrementais, restauração com um clique, migração de sites e armazenamento em diversas opções de nuvem.
  5. BackupBuddy: Plugin premium com recursos avançados, como backups criptografados, relatórios detalhados e suporte multisite.
  6. VaultPress: Serviço completo de backup, gerenciamento de segurança e monitoramento de sites WordPress, ideal para quem busca proteção abrangente.

 

Leia também: 5 Plugins de segurança no WordPress

 

  • Softwares para backups:

Utilize softwares FTP como FileZilla ou WinSCP para baixar manualmente os arquivos do seu site e banco de dados via phpMyAdmin.

Você também pode acessar o cPanel da sua hospedagem para criar backups completos do seu site através da interface web.

 

  • Backups automáticos da sua hospedagem:

Verifique com seu provedor de hospedagem, pois muitos provedores oferecem backups automáticos gratuitos ou como parte de seus planos.

 

  • Backup manualmente:

Se você preferir não usar plugins, pode fazer backup manualmente dos arquivos do WordPress e do banco de dados.

Para isso, você precisa acessar o painel de controle do seu provedor de hospedagem e utilizar as ferramentas fornecidas para fazer o backup dos arquivos do WordPress (normalmente através de FTP) e exportar o banco de dados MySQL.

 

Com que frequência fazer backup do meu site?

A frequência ideal depende da sua necessidade, frequência de atualizações e do risco de perda de dados. Diário, semanal ou mensal são opções comuns.

Entretanto, é importante considerar as seguintes observações adicionais:

  • Novos plugins ou temas: Faça um backup antes de instalar ou atualizar plugins e temas para se proteger contra possíveis falhas ou incompatibilidades.
  • Erros ou falhas: Após corrigir qualquer erro ou falha no site, realize um novo backup para garantir que a versão corrigida esteja armazenada.
  • Antes de grandes mudanças: Faça um backup antes de realizar grandes modificações no site, como redesenho ou migração para um novo servidor.

Além disso, lembre- se de realizar testes de restauração periodicamente para garantir que seus backups estejam funcionando corretamente.

 

Leia também: Como manter a segurança no WordPress?

 

Onde devo armazenar meus backups?

Onde devo armazenar meus backups?

Agora que você já sabe as formas de como fazer backup no WordPress, saiba em quais lugares guardar seus backups.

Preferencialmente, armazene seus backups em um local seguro, fora do site, como na nuvem, em um disco rígido externo ou em um serviço de backup dedicado.

Vale ressaltar que você precisa armazenar seus backups em um dispositivo que tenha capacidade em disco suficiente para conter todos os arquivos de backup. Podemos citar as seguintes opções de armazenamento local e remoto:

  • Pendrive USB (pequena capacidade);
  • Disco rígido interno (grande capacidade);
  • Disco rígido externo (normalmente de grande capacidade);
  • Unidade conectada por rede (grande capacidade);
  • Servidor de arquivos/backups (grande capacidade);
  • CDs e DVDs graváveis (pequena/média capacidade);
  • Serviço de backup na Internet (Amazon S3, por exemplo; a capacidade depende do preço).

Em resumo, na maioria dos casos o armazenamento local em disco rígido externo pode ser suficiente em sites que podem oferecer baixo risco, porém em sites de alto risco o ideal é combinar armazenamento local com nuvem para máxima segurança e acessibilidade.

 

Quer saber se o seu site está seguro? A Lamattina Marketing Digital oferece serviços de manutenção de sites em WordPress, realizando backups constantes, entre outras diretrizes, para garantir que seu site esteja seguro.

Entre em contato conosco e faça uma consultoria com os nossos especialistas!

2024-04-25T20:46:39-03:00WordPress|0 Comentários

Deixar um comentário